quarta-feira, 4 de setembro de 2013

7 celulares da Nokia que marcaram época





Mobira Senator
O Mobira Senator, um dos primeiros telefones portáteis, tinha a forma de uma maleta e pesava cerca de 10 quilos. Funcionava numa rede celular europeia de primeira geração conhecida como NMT-450 (a sigla vem de Nordic Mobile Telephony). Ela foi a primeira rede celular a permitir roaming entre países.









Mobira Talkman
O Mobira Talkman trazia diversos aperfeiçoamentos em comparação com o Senator. Para começar, pesava apenas 5 quilos e meio. Além disso, funcionava nas redes celulares NMT-900, que ofereciam melhor qualidade de áudio que as NMT-450. Mas a tecnologia ainda era de primeira geração.











Mobira Cityman
Mobira Cityman foi a primeira família de celulares da Nokia a ter sucesso amplo. O Citiman 900, um dos modelos mais conhecidos nessa série, pesava 800 gramas e custava o equivalente a 14 mil reais. Era visto como símbolo de status pelos yuppies, os jovens executivos da época (na foto, o Cityman 150).








Nokia 1011
O Nokia 1011 (também chamado Mobira Cityman 2000) foi o primeiro celular produzido em larga escala para as redes GSM 900, de segunda geração. A Nokia teve participação importante na criação do GSM, o padrão europeu de telefonia que acabaria se difundindo pelo mundo. O 1011 pesava quase 500 gramas.








Nokia 2110
O Nokia 2110 foi o primeiro celular de sucesso capaz de enviar e receber mensagens de texto. Além de popularizar o SMS, ele foi o primeiro a trazer, como ringtone, a conhecida musiquinha da Nokia (um trecho de “Gran Vals”, do compositor espanhol Francisco Tárrega). Era, ainda, menor e muito mais leve que seus antecessores.










Nokia Communicator


Os aparelhos da série Communicator foram percussores dos smartphones. Quando fechados, pareciam celulares comuns. Abertos, exibiam teclado alfanumérico e tela de cristal líquido. Tinham funções de fax, e-mail, SMS, calendário e calculadora, entre outras. A Nokia criou sucessivos modelos dessa série ao longo de 11 anos.










Nokia 3310

Desenvolvido pela unidade dinamarquesa da Nokia, o 3310 foi um dos celulares de segunda geração mais bem sucedidos, com 126 milhões de unidades vendidas. Capaz de trabalhar em redes GSM de 900 e de 1.800 MHz, foi um dos primeiros aparelhos multibandas. Essa característica facilitou o roaming internacional.




















Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade

Veja no Ocioso