quarta-feira, 25 de julho de 2012

Quer ganhar um computador da X5?


Então Clique aqui

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Os 10 videoclipes mais caros da história

Segue a lista dos 10 videoclipes :

1-Michael Jackson feat. Janet Jackson - Scream: $7.000.000 

2-Madonna - Day Another Day: $6.100.000

3-Madonna - Express Yourself: $5.000.000 

4-Madonna - Badtime Story: $5.000.000 

5-Guns N' Roses - Estranged: $4.000.000

6-Puff Daddy (featuring Notorious B.I.G. & Busta Rhymes) - Victory: $2.700.000

7-MC Hammer - Too Legit to Quit: $2.500.000

8-Mariah Carey (feat. Jay-Z) - Heartbreaker: $2.500.000 

9-Busta Rhymes (feat. Janet Jackson) - What's It Gonna Be: $2.500.000

10-Celine Dion - It's All Coming Back to Me Now: $2.300.000

Fonte: virgula.uol.com.br

quarta-feira, 18 de julho de 2012

Os 10 campeonatos mais difíceis do mundo




A Federação de Historia e Estáticas do Futebol, a IFFHS, divulgou o ranking dos campeonatos mais difíceis do mundo.


Veja como ficou top 10:


1. Espanha 761,0


2. Argentina 613,0


3. Brasil 590,0


4. Inglaterra 470,0


5. Itália 469,0


6. Alemanha 445,0


7. Chile 411,5


8. Paraguai 384,0


9. França 372,0


10. Holanda 358,5



domingo, 15 de julho de 2012

segunda-feira, 9 de julho de 2012

Os 10 mais azarados da história do Rock


10. Dave Grohl – A última opção no Nirvana

Dave definitivamente não pode ser considerado alguém azarado, ele marcou a era grunge como baterista do Nirvana e hoje em dia está em uma das poucas bandas que “salvam” o cenário do rock no Mainstream, o Foo Fighters. Mas o que pouca gente sabe é que antes dele o Nirvana teve 5 bateristas diferentes, ou seja, Dave literalmente foi a ultima opção da banda, mas é inegável que ele deu conta do trabalho e até hoje é um grande músico.

9. Chuck Mosley – Abandonou o Faith No More

O Faith no More é uma das maiores bandas de rock, tendo influenciado dezenas de bandas posteriores incluindo o já citado “Nirvana”, mas antes de Mike Patton assumir o vocal da banda, Chuck Mosley era quem ocupava esse posto. Mas sem muitas explicações ele abandonou a banda alegando “diferenças criativas”, e muito provavelmente se arrependeu quando a banda alcançou o sucesso mundial pouco tempo depois.

8. Dave Mustaine – Uma Viagem sem volta (pra fora do Metallica)

O Metallica nunca foi uma referencia de “bom-mocismo”, mas Dave Mustaine ultrapassava os limites até mesmo para uma banda Metal. Enquanto estava na banda ele vivia constantemente drogado e bêbado, o que rendeu diversas histórias engraçadas que são lembradas até hoje, e quando isso começou a atrapalhar a banda (Dave geralmente atrasava shows e ensaios) os outros integrantes da banda resolveram expulsa-lo de uma forma bastante original: Depois de uma noite de bebedeira eles colocaram Dave em um ônibus apenas com passagem de ida para o outro lado do país, quando acordou Dave ficou revoltado com o que havia acontecido e resolveu se vingar da melhor forma possível: jurando fazer uma banda ainda mais pesada do que sua ex-banda, nascia o Megadeth.

7. Mike Smith – O homem que rejeitou os Beatles

Os anos 60 foram inesquecíveis para o Rock, algumas das maiores bandas do gênero surgiram nessa época e a que mais se destacou foram os Beatles. Mas no inicio a banda não encontrava uma gravadora e decidiu mandar uma Demo e uma proposta para uma audição para uma grandes gravadoras da época, a Decca. O problema é que os Beatles eram de Liverpool, e a Decca teria que gastar muito com hospedagem, viagens de avião, e vários outros custos para trazer a banda e excursionar pela Inglaterra, ao invés disso Mike preferiu reduzir custos e contratar uma banda local, assim assinou com os “Brian Poole & The Tremoloes”, banda que até fez algum sucesso, mas nada comparado aos Beatles.

6. Tracii Guns – Fora do Guns n’ Roses (por faltar em um ensaio)

Poucos sabem, mas “Guns n’ Roses”, pra muitos a maior banda do Hard Rock, não tinha Slash na sua primeira formação, o guitarrista da banda era Tracii Guns (daí vem o nome da banda, a junção dos sobrenomes de Guns com a do vocalista Axl Rose). Os Guns eram uma banda respeitada no meio Underground americano, mas não tinham nenhum reconhecimento nacional pois não haviam lançado nenhum LP, e foi na preparação para esse LP que Tracii faltou em um ensaio, e como já era de se esperar pela personalidade de Axl, foi expulso da banda. Em seu lugar entrou o lendário Slash, e foi com ele que a banda atingiu o sucesso mundial, vendendo mais de 100 milhões.

5. Dave Evans – Se recusou a tocar e foi expulso do AC/DC

Quando se fala em AC/DC os nomes que vem na cabeça de 90% da população são Bon Scott e Brian Johnson, mas antes dos 2 o AC/DC teve outro vocalista. Dave Evans foi o primeiro vocalista da banda e até fez algum sucesso chegando a lançar um Single com a banda (“Can I Sit Next to You Girl / Rockin in the Parlour”), mas em 1974 ele, sem nenhuma explicação logica, se recusou a subir no palco para um show e graças a isso foi expulso da banda pelos outros integrantes. Para seu lugar a banda chamou o seu então motorista que até tinha algum talento, um tal de Bon Scott....

4. Roy Orbison – Uma sequencia de fatalidades

Roy Orbison é um dos grandes nomes da música e do Rock, e infelizmente não recebe o reconhecimento que merecia, e é lembrado na grande maioria das vezes apenas por ser a voz por trás do clássico “Pretty Woman” (que muitos nem mesmo sabem que é dele). Mas as desgraças em sua vida foram tão grandes quanto seu talento, já que após o sucesso uma série de acontecimentos o atingiram.
Primeiro ele perdeu sua mulher, depois um incêndio em sua casa lhe tirou seus dois filhos, como se isso não fosse o bastante ele caiu no esquecimento por mais de 30 anos, até que em 1996 foi lançada a coletânea “The Very Best of Roy Orbison” que fez muito sucesso - mas Roy já havia morrido oito anos antes.

3. Ian Stewart – Rebaixado pelo Stones pela (falta de) beleza

Os Rolling Stones são uma das maiores bandas da história, tanto que dividiram a preferencia do publico nos anos 60 com nada mais nada menos que os Beatles, a formação clássica era constituída por: Brian Jones, Keith Richards, Mick Jagger, Bill Wyman e Charlie Watts, mas havia um outro integrante “por trás dos panos” e ele era Ian Stewart. Ele foi um dos fundadores da banda e tinha um talento indiscutível, mas logo no começo foi rebaixado para “gerente de palco”, ou seja, gravava com a banda, mas não aparecia em shows e nem era considerado um membro oficial. Tudo isso por um motivo bem simples: sua falta de “Sex-appeal”.

2. Glen Matlock – Trocado por alguém que mal sabia tocar

O movimento Punk é conhecido por muitas coisas, mas uma delas definitivamente não é a habilidade musical, até porque o lema do movimento era exatamente o “Faça Você Mesmo”. Mas Glen Matlock era diferente. Ele era um ótimo baixista, talvez o único musico bom nos Sex Pistols, e criou a melodia dos 2 maiores sucessos da banda: “God Save the Queen” e Anarchy in the UK”, apesar disso Glen nunca se deu bem com o vocalista Johnny Rotten e em fevereiro de 1977 após uma briga por motivações politicas ele foi “convidado a se retirar” da banda e em seu lugar entrou Sid Vicious, que apesar de ter virado a personificação do movimento Punk, mal conseguia empunhar o baixo nos primeiros shows da banda.

1. Pete Best - Ficou fora da maior banda da história

Mike Smith entrou na lista por ter rejeitado os Beatles e perder dinheiro por isso, mas dinheiro não é tudo (tanto que você que está lendo provavelmente não sabe quem foi o produtor que finalmente aceitou a banda) mas com certeza sabe os 4 músicos que imortalizaram o quarteto: Paul, Lennon, George e Ringo, e perder a chance de ter reconhecimento mundial sendo um membro da banda coloca Pete Best no topo da lista.
Pete estava na banda quando ela ainda se chamava “The Quarrymen” e além de ser um ótimo baterista fazia muito sucesso com as mulheres pela beleza, mas entre os outros membros não fazia sucesso. Pete não compunha e nem saia com os outros 3, e se recusou a aderir ao penteado que virou a marca registrada da banda, isso e outras coisas contribuíram para um desgaste, e em 1962 recebeu um telefonema do próprio Paul expulsando-o da banda.
Pouco tempo depois Pete veria os Beatles se transformarem no maior fenômeno que a música já viu, e graças a isso chegou inclusive a tentar suicídio (sem sucesso), depois disso abandonou a música por um bom tempo e hoje em dia faz pequenos shows cantando sucessos do grupo, já que apesar de tudo sempre haverá um Beatlemaniaco querendo uma foto com alguém que (quase) entrou para a história.


FonteWhiplash

quarta-feira, 4 de julho de 2012

Mulher acaba dormindo no programa de Fátima Bernardes

"Encontro com Fátima Bernardes"


Todo "mundo" sabe que o programa de Fátima Bernardes anda mau das pernas, é um programa mediano para os padrões Globo, mas se não bastasse isso caiu um vídeo na net, em que mostra uma senhora dormindo na plateia do programa, gerando piadas.


Veja:

Publicidade

Veja no Ocioso